domingo, 30 de novembro de 2008

A placa de pressão (Platô)

As embreagens simples podem ter platôs de molas helicoidais ou platôs de mola membrana / diafragma ("chapéu chinês").

O platô de molas helicoidais é pouco resistente às altas rotações dos motores modernos. Este tipo de embreagem não é mais usado em automóveis de passageiros, picapes e caminhões, pois tem sua força diminuída com o desgaste dos revestimentos.

O platô de mola membrana, também conhecido por chapéu chinês, é montado em praticamente todos os modernos veículos produzidos atualmente, em virtude da resistência às altas rotações dos motores, aliada à construção compacta, que permite uma reduzida altura da carcaça – o que é fundamental para economia de espaço. As características construtivas da mola membrana possibilitam trabalhar com cargas iniciais mais baixas e quase constantes durante toda a vida útil do platô, resultando em menor esforço do motorista.

1 comentário

Eduardo Miguel disse...

- Ao ver a foto eo post inevitavelmente lembrei de um amigo meu que com 9 meses já teve que trocar seu kit Platô?disco e embreagem ao perguntar como o desgate tão grande aconteceu ele me respondeu sei lá!!! hoje tudo é porcaria feito para quebrar, achei estranho mas não falei nada... passou e alguns dias depois fui de carro com ele á outra cidade e pasmem em qualquer semaforo ele para e já rapidinho coloca o pézão na embreagem, bom assim não dá mesmo não há kit de embreagem que dê jeito, a tecnologia avança mas se o motorista não colabora é claro não vai nem a pau!!!
- Abração

Postar um comentário